Maria: a vocacionada de Deus


“Maria está aberta à voz de Deus que guia o seu coração, que orienta os seus passos onde a sua presença é necessária.” (Papa Francisco)


Maio é o mês dedicado a Maria, a mãe de Jesus. Tudo começou com um SIM, que fez a diferença e mudou a história da humanidade.

Maria ao ser surpreendida com o anjo Gabriel, disse SIM ao chamado de Deus. Um SIM que trouxe muitos desafios, pois tirou-a da zona de conforto, daquilo que ela já estava acostumada. Hoje também Deus continua nos desafiando e chamando para fazer a diferença na vida das pessoas.

Maria questiona o anjo Gabriel, pois quer entender mais de perto o que Deus quer dela. Isso mostra que Deus vai se revelando aos poucos. Ele nunca mostra tudo de vez, mas aos poucos. Ele nos prepara para a caminhada e dá a certeza de que caminha conosco. Quando abrimos espaço para Deus entrar em nosso coração e respondemos SIM a sua proposta, somos agraciadas por Ele que nos diz: “Eu estarei contigo!” (cf. Is 41,10; Dt 31,6; Mt 28, 20; Lc 1, 28; 1Cor 3,16; Ap 3, 20; Jr 15, 20). É preciso todos os dias dar o SIM ao plano de Deus, assim como Maria que tece a sua resposta diariamente ao cultivar Jesus em seu coração.

Ao olhar para a vocação de Maria, lembramos também o rosto feminino de tantas mulheres, Irmãs Religiosas, que deram o seu SIM, consagrando a sua vida a Deus. Um SIM vivido e doado a favor das pessoas necessitadas. Um SIM missionário, capaz de sair da própria pátria e enfrentar o desconhecido, mas com a certeza de que Deus caminha conosco. Um SIM que faz a diferença no cotidiano da história de muita gente. Um SIM de tamanha importância que fez deixar tudo pelo Reino de Deus. É o que afirma o Papa Francisco aos consagrados: “Sois homens e mulheres simples que vistes o tesouro que vale mais do que todas as riquezas do mundo. Por ele, deixastes coisas preciosas, tais como bens, criar uma família própria. Por que o fizestes? Porque vos apaixonastes por Jesus, n’Ele vistes tudo e, fascinados pelo seu olhar, deixastes o resto. A pessoa consagrada é alguém que, ao olhar-se cada dia, diz: Tudo é dom, tudo é graça.”

Hoje também, Deus continua chamando e desafiando muitos jovens para consagrar a sua vida a Ele. Você também tem coragem a dar um SIM ao Projeto de Deus, assim com Maria e tantos consagrados e consagradas? A exemplo de Maria, deixemos Deus habitar em nosso coração, respondendo todos os dias ao seu chamado.


Pelo Serviço de Animação Vocacional: Ir. Janete Rosane Roiek - Irmãs Franciscanas da Penitência e Caridade Cristã

Notícias em Destaque