Santuário Missioneiro realiza Santa Missa de Renovação da Aliança

A justiça de Deus e a oração da novena sobre os ramos do Movimento foram os temas importantes que nortearam a Missa da Renovação da Aliança deste dia 18 de agosto, no Santuário Missioneiro Tupacyrendá. A liturgia esteve a cargo de integrantes da Liga de Casais, de Boa Vista do Buricá e a animação foi assumida por integrantes da juventude do Movimento. O celebrante foi o Padre Inácio Dalla Nora, Pároco da Paróquia Sagrada Família, de Santo Ângelo.

Na homilia, Padre Inácio falou sobre a parábola que Jesus conta no Evangelho de Mateus que trata sobre o patrão que saiu de madrugada para contratar trabalhadores para a sua vinha. Ele combinou uma moeda de prata como pagamento pelo trabalho do dia. Aos que trabalharam somente uma hora ou o dia todo, o patrão pagou o mesmo.

"Muitas vezes, na nossa caminhada de cristãos nós também somos como estes que trabalharam o dia todo e acham que mereceriam ganhar mais. Deus nos dá conforme merecemos. Não podemos nos considerar mais ou menos cristãos que os outros. O egoísmo não pode estar impregnado em nossa vida. Esse recado de Jesus foi, inicialmente, para seus próprios discípulos que se achavam mais merecedores do Reino do que aqueles que se aproximavam de Jesus em busca das mais diversas curas", reflete o Padre Inácio.

Além disso, foi lembrado que estamos no mês vocacional, momento oportuno para pedirmos em oração que Deus nos faça fiéis à nossa vocação e que sejamos perseverantes e abertos às graças que Deus nos concede, por intercessão de sua Mãe Santíssima.

Nesse dia, celebramos também o oitavo mês da novena em preparação ao 25° aniversário do Santuário Missioneiro. O tema desse momento foi sobre os ramos do Movimento de Schoenstatt, da nossa Diocese, onde se formou pela juventude, Jufem e Jumas, pela Liga de Famílias, Liga de Mães, Liga dos Homens, Terço dos Homens e Campanha da Mãe Peregrina.


Texto: João Dias

Edição: Luciane Rodrigues

Notícias em Destaque